Visita à Galeria Tretyakov. Esta incomparável galeria de arte foi nomeada assim em honra a seu fundador, o famoso comerciante Pavel Tretyakov (1832-1898), grande patrono russo do século XIX. Seu sonho sempre foi o de criar um museu acessível a qualquer visitante, com uma grande coleção de objetos que permitem compreender e admirar a história da arte russa, sagrada e secular. O projeto tornou-se realidade em 1881, com a abertura da Galeria. Tretyakov doou mais de 2.000 obras de sua coleção particular para a cidade de Moscou, formando o embrião do que hoje é esse impresionante museu. Abriga mais de 130 mil obras criadas por artistas russos, um excepcional panorama histórico da pintura russa do século XI até o presente. Seu maior tesouro é a sua magnífica coleção de ícones, destacando “a Virgem de Vladimir”, de estilo bizantino, atribuída a São Lucas conforme a lenda, e a obra-prima do grande Andrei Rublev,  “A Trindade”.